Carreira Mercado

Mercado de trabalho pós-coronavírus: novos hábitos e dinâmicas

mercado de trabalho pós coronavírus

Estamos vivendo um momento de muitas dúvidas, uma delas é relacionada à dinâmica do mercado de trabalho pós-coronavírus. Afinal, de que forma profissionais e empresas serão afetados pela pandemia? Quais serão os novos hábitos do universo corporativo devido à crise econômica? 

Uma coisa é certa, todos serão afetados de alguma forma, e será preciso se adaptar ao novo normal, seja ele qual for. 

O que esperar do mercado de trabalho pós-coronavírus? 

Como já se sabe, o isolamento social é principal medida para conter a disseminação do coronavírus. Essa restrição gera um impacto sem precedentes na economia mundial. 

Empresas de todos os portes estão sendo afetadas pela queda ou perda total de receita. Muitas delas tiveram que recorrer à medidas drásticas para minimizar os danos, como o corte de funcionários, por exemplo, ou até o encerramento do negócio. 

E a projeção para o futuro não é nada animadora, tendo em vista que ainda não há como prever quando a pandemia vai acabar. A última previsão do FMI (Fundo Monetário Internacional) para o Brasil é de que a economia despenque 5,3% em 2020 (contra uma previsão anterior, de janeiro, de crescimento de 2,2%).

Ou seja, estamos lidando ainda com muita imprevisibilidade, logo não há como realizar um planejamento a longo prazo. Por isso, é preciso adaptabilidade e capacidade de responder às adversidades de forma ágil e estratégica.  

Novas dinâmicas no mercado de trabalho 

No mercado de trabalho pós-coronavírus teremos duas principais dinâmicas que vão guiar o novo normal: a transformação digital e o mindset ágil. 

Ambos conceitos já vinham sendo aplicados no universo corporativo de forma gradativa. Porém, com a necessidade de adaptação à pandemia, tais tendências foram aceleradas. As empresas se depararam com a necessidade de recorrer ao digital para minimizar as distâncias.

O CEO da Arbache Innovations, Fernando Arbache, analisa porque as empresas estão tendo tantas dificuldades para lidar com as adversidades do atual momento: 

“Elas não se prepararam suficientemente para a transformação digital e não construíram equipes ágeis. Esses são os dois pilares que passamos a enxergar como fundamentais, não para enfrentar a pandemia, mas para enfrentar tudo que vinha sendo sinalizado: o mundo está se direcionando para a inovação e para ambientes de negócios que exigem mindsets totalmente digitais.”

Transformação digital pós-coronavírus 

Nessas últimas semanas as empresas precisaram adaptar suas formas de produção. Essa necessidade evidenciou a importância do investimento no digital como alternativa para o distanciamento social. 

A transformação digital se dá em diversas vertentes, seja no investimento na modalidade de vendas online, ou em tecnologias de gestão, são diversos os recursos que podem ser aplicados na rotina das empresas. 

O fato é que, o digital é hoje uma questão de sobrevivência para as empresas. Quem não investir no online terá muito dificuldade para sair dessa crise sem grandes danos. 

Outra fato que devemos levar em consideração é de que, os hábitos de consumo da população também serão afetados com essa crise. O online nunca foi tão forte quanto é neste momento atual, e a tendência é de que isso continue mesmo após a crise. 

E então fica a pergunta, sua empresa estará preparada para atender aos novos hábitos de consumo? 

Veja aqui neste texto algumas dicas de como empreender online em tempos de crise. 

Novos hábitos no mercado de trabalho pós-coronavírus

Enquanto novos hábitos para o mercado de trabalho pós-coronavírus, a transformação digital por si só acarretará na necessidade de flexibilização tanto por parte das empresas, quanto em relação aos profissionais. 

Logo, habilidades como criatividade, mindset ágil e adaptabilidade, serão primordiais para equipes serem capazes de lidar com os desafios dessa crise. 

As incertezas do momento que se apresenta agora, e a instabilidade econômica que veremos após a crise, vai exigir que as empresas sejam capazes de se reinventar para buscar soluções rápidas e inovadoras. 

E de que forma isso é possível? Através de um capital humano preparado para atuar neste cenário. O que veremos é um mercado de trabalho em que toda a equipe é colocada cada vez mais como protagonista nas decisões da empresa. 

Por isso, agora mais do que nunca, os profissionais precisam estar capacitados para promoverem essas transformações em conjunto com as empresas. O futuro já chegou, a pergunta é: você está preparado? 

Veja aqui neste texto por onde e como começar a desenvolver competências e habilidades essenciais para o mercado de trabalho. 

Referência Bibliográfica. 

ARBACHE, Fernando. O futuro chegou: habilidades essenciais para o profissional do futuro. In. https://arbache.com/blog/o-futuro-chegou/ Acesso em: 12/05/2020

BBC News. Crise e coronavírus: V, U ou W, os 3 cenários possíveis para a recuperação econômica após a pandemia de covid-19. In. https://www.bbc.com/portuguese/internacional-52445365 Acesso em: 12/05/2020