Coaching

Um Passeio Pelo Nevoeiro do Coaching – Parte 1

A palavra Coaching é usada hoje com tantos significados e envolvendo tantas propostas diferentes que causa certamente confusão em muitos. Quando perguntados em sala de aula sobre se sabem o que é, os alunos de pós-graduação balançam a cabeça afirmativamente, até com certo desconforto pelo óbvio da pergunta. Quando, no entanto, são convidados a apresentar uma definição e dizer quando, para que, como e por quem esse processo é feito, entram em contato com a confusão em torno da palavra e a necessidade de organizar este conhecimento.

Este texto é fruto de trabalhos e pesquisas anteriores realizadas por mim e pesquisas colaborativas realizadas com duas turmas de alunos. O que nos propusemos a fazer foi identificar o que é, quais são as metodologias ou linhas para que e por quem pode ser usado. Como resultado desta pesquisa em sala de aula chegamos a um mind map (que pode ser visto na figura, no início deste texto), que norteia este trabalho.

Ligados ao processo de desenvolvimento humano há aspectos divertidos e outros assustadores. Tem Coaching para tudo. Até seu mecânico de automóvel pode ter virado seu Personal Automotive Coach… Você vai encontrar no segmento Nutricional (o bom e velho acompanhamento nutricional), Style Coaching (consultoria de imagem ou de vestuário), Fitness (o bom e velho professor particular de educação física que depois virou Personal Trainer). Também encontra educador Financeiro (antigamente se chamava Assessoria Financeira). E por aí vai. Se não for intitulado Coaching não vende.

__________________________________

Ligados ao processo de desenvolvimento humano há aspectos divertidos e outros assustadores. Tem Coaching para tudo. Até seu mecânico de automóvel pode ter virado seu Personal Automotive Coach…

__________________________________

Falei em questões assustadoras. Você vai encontrar Coaching para Dependentes Químicos. Uma doença (segundo a Organização Mundial da Saúde) seríssima, envolvendo todo o sistema e mortal vira objeto de aproveitamento comercial. Se você tem outros problemas nesta linha da compulsão, há Coaching para Lidar com Vícios. Coaching Espiritual está também aqui nesta lista que me provoca incômodos e irritação. A definição que está na internet é: “O Coaching Espiritual atua de forma a recuperar a sua autoestima, confiança, paz interior, harmonia e plenitude”. No site que visitei esta modalidade promete cura espiritual e cura física. Tudo isto em poucas sessões e baratinho. Também há Coaching Afetivo. No site que visitei a proposta é radical. Promete resolver problemas de infidelidade e traição, falta de libido e/ou afeto no relacionamento e qualquer outro conflito do relacionamento de casal.

Nada a declarar sobre esta panaceia toda. Acredito que em toda esta confusão acima, deve haver gente bem-intencionada e charlatões que só querem um pedaço de sua renda. Sugiro também todo cuidado com instituições que prometem que você se formará na profissão que mais cresce no mundo. Colocam então 50 pessoas durante dois a quatro dias em uma sala de hotel em formato de auditório, passam slides, fazem algumas dinâmicas e pronto. Você é Coach.

___________________________________________________________________________________

Sugiro todo cuidado com instituições que prometem a formação na profissão que mais cresce no mundo, colocando 50 pessoas durante 2 a 4 dias em uma sala, passam slides, fazem algumas dinâmicas e pronto. Você é Coach.

___________________________________________________________________________________

Definição de Coaching

Em primeiro lugar durante a pesquisa recortamos em sala de aula alguns elementos que estão presentes em todas as definições elaboradas pelos alunos, com um pequeno acréscimo meu:
Coaching é um projeto / processo de curta duração, no qual o usuário (cliente) tem um desejo traduzido em meta e o consultor funciona como facilitador, sendo que o vínculo entre Coach e Coachee determina o sucesso do projeto / processo.

Quem pede e quem paga

O Coaching pode ter como objetivo questões pessoais ou profissionais. Quando se fala da pessoa física, o ser humano em sua busca individual por crescimento, mudança e transformação procurando o Coaching, as vertentes mais importantes são o Coaching de Carreira, o Coaching Vocacional e o Life Coaching. Volto a dizer que mesmo nestes casos o nome é modismo. Estas atividades existem há muito tempo, com o nome de Desenvolvimento de Carreira, Orientação Vocacional e Aconselhamento (não confunda com dar conselhos).

Também pode ser encomendado e pago pela empresa para seus funcionários. Neste caso vale ressaltar o Coaching Executivo, o de Liderança e o que vou aqui chamar de Coaching de Competências, voltado a apoiar profissionais de gerência ou candidatos a isso a desenvolver as competências exigidas pela organização. Independente de desejado e pago pela pessoa ou pela empresa, o Coach deveria conhecer alguma metodologia para atuar.

Na continuação deste artigo você poderá se informar sobre algumas metodologias, técnicas e ferramentas e vai saber qual o grande diferencial entre processos de Coaching bem sucedidos

Marcos Bidart de Novaes
Doutor em Gestão Humana e Social em Organizações pela Universidade Presbiteriana Mackenzie
Consultor em Desenvolvimento Humano e Professor em MBA´s da Fundação Getúlio Vargas
Sócio da Potenciar Consultores Associados
marcos@potenciar.com

Leia também a continuação deste artigo: PARTE 2

Avatar

admin

1 Comentário

Clique aqui para publicar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.