Liderança

Competências de liderança: quais as principais e como aprimorá-las?

competências de liderança

Você sabe quais são as competências de liderança mais requisitadas pelo mercado de trabalho? É muito importante que os profissionais tenham conhecimento das reais necessidades das organizações hoje em dia, de modo a estarem preparados para supri-las. 

Ou seja, esse entendimento do cenário atual é de suma importância para quem deseja alavancar sua carreira. Ser um líder nos dias atuais significa muito mais do que apenas instruir uma equipe, este profissional deve estar preparado para atuar em um meio dinâmico e repleto de incertezas. 

Logo, para alcançar bons resultados em cargos de liderança e aumentar sua empregabilidade é muito importante que você tenha competências diferenciadas.

Quer saber o que é preciso para ser um bom líder? Confira a seguir uma lista com as principais competências de liderança buscadas pelas organizações. Você descobrirá também como é possível aprimorá-las. Vamos lá? 

Você pode se interessar também:

Líder do futuro: quais serão as suas novas formas de atuação?
Na incerteza aposte na resiliência
Como ser um bom líder em momentos de dificuldade social?

O papel do líder no mercado de trabalho atual

Afinal, o que significa ser um líder? Provavelmente a primeira coisa que se passa na sua mente quando falamos sobre o conceito é o gerenciamento de uma equipe, correto? 

Sim, de fato este é um dos principais propósitos da liderança. E neste momento um pensamento pode passar pela sua cabeça: “então para ser um líder eu só preciso ter um bom relacionamento interpessoal e saber lidar com as pessoas”. Não, e sim. Calma, vamos explicar melhor. 

Claro, ter um bom relacionamento interpessoal é fundamental para o êxito da liderança, entretanto, para se destacar e realmente alcançar resultados satisfatórios é preciso ir além. Ou seja, é preciso competências de liderança que sejam compatíveis ao contexto atual. 

Este contexto no qual me refiro é o chamado mundo VUCA/VICA. A sigla significa volátil, incerto, complexo e ambíguo. Com as inovações tecnológicas e as constantes mudanças em nossa sociedade, as empresas precisam lidar diariamente com a imprevisibilidade do mercado.

Logo, adaptar-se a essa realidade significa ter profissionais, e principalmente lideranças capazes não somente de resolver problemas, mas também de inovar nas soluções. 

Figura adaptada por Ana Paula Arbache

Veja aqui mais informações sobre o Mundo VICA, assim como de outros conceitos importantes da atualidade como a Revolução 4.0 e as organizações exponenciais. 

Competências de liderança mais requisitadas pelas organizações

Como dito acima, as organizações precisam lidar com as incertezas e instabilidade do meio econômico e social em sua rotina. Logo, o papel do líder é imprescindível para que as empresas sejam capazes de superar tais adversidades. 

A liderança deve manter a equipe motivada e alinhada com os objetivos da organização, ao mesmo tempo em que prima pela inovação e criatividade na solução dos problemas.

Neste sentido, algumas competências de liderança se destacam como essenciais para uma atuação de alta performance hoje em dia. São elas: 

  • Adaptabilidade
  • Capacidade de solucionar problemas complexos
  • Relacionamento interpessoal
  • Criatividade

Saiba mais sobre cada uma dessas competências: 

Adaptabilidade

A habilidade de se adaptar a cenários adversos é essencial no mercado de trabalho inserido dentro do conceito VICA. 

Ou seja, quando se lida com situações que envolvem inovação e incertezas, a adaptabilidade e flexibilidade são fundamentais para que os profissionais sejam capazes de responder com agilidade às situações adversas que aparecerão pelo caminho. 

Capacidade de solucionar problemas complexos 

A capacidade de solucionar problemas complexos está diretamente ligada à habilidade de se inovar nas soluções propostas. Ou seja, é preciso pensar “fora da caixinha”.

As empresas se deparam cada vez mais com situações inesperadas e complexas, que se apresentam por diversos fatores, como as mudanças de comportamentos sociais causadas pela tecnologia, as crises econômicas etc. 

Logo, as organizações precisam de lideranças capazes de lidar com essas adversidades. Portanto, um bom líder precisa ter visão sistêmica da situação, analisando-a em sua complexidade e, indicando o melhor direcionamento para solucioná-la.

Relacionamento interpessoal

O relacionamento interpessoal é um conceito da psicologia e sociologia que pode ser definido como a ligação ou conexão entre duas ou mais pessoas dentro de um determinado contexto.

Logo, quando nos referimos ao ambiente de trabalho, pode-se dizer que esta é uma habilidade crucial para o líder. Afinal, uma boa liderança deve ser capaz de inspirar pessoas, direcionando os esforços da equipe de forma estratégica. E a melhor forma de se alcançar este objetivo é criando conexões verdadeiras com elas. 

Um bom relacionamento interpessoal é fundamental para criar um ambiente corporativo saudável, assim como para manter a equipe motivada e melhorar a retenção de talentos.

Criatividade 

De todas as competências de liderança citadas acima, esta é talvez a mais valorizada pelo mercado de trabalho atualmente. 

Afinal, um líder capaz de propor soluções criativas conseguirá alcançar os objetivos da empresa de forma mais objetiva, minimizando os riscos e encontrando oportunidades nas situações mais adversas. 

E engana-se quem pensa que a criatividade é uma habilidade nata. Ela pode (e deve) ser desenvolvida ao longo da vida.

A criatividade não é fruto de um pensamento instantâneo e isolado; ela é nutrida por pensamentos, reflexões, referências de estudos, pessoas que construíram nossa identidade, nossos gostos, nosso contexto e nossos desejos. A criatividade é o resultado do pensar, buscando-se construir um repertório que possa levar a algo criativo, novo e capaz de gerar um resultado extraordinário. (ARBACHE, 2020)

Como aprimorar suas competências de liderança? 

O primeiro passo para desenvolver as competências de liderança mais requisitadas pelo mercado de trabalho é fazendo uma mapeamento das suas competências. Ou seja, identificando quais são os seus pontos fortes e fracos. 

Com este mapeamento em mãos, você será capaz de direcionar melhor os seus esforços para desenvolvimento de seus gaps. Mas afinal, como fazer esse mapeamento? 

A Arbache Innovations pode te ajudar! A empresa conta com o há de mais inovador no setor de RH, Educação e Desenvolvimento Humano, com soluções que utilizam a inteligência artificial para auxiliá-lo neste mapeamento. 

Uma das soluções é o assessment gamificado Liderança 4.0. O jogo é capaz de mensurar o grau de dominância do usuário em relação a competências comportamentais essenciais para um líder de equipes e projetos adaptados ao contexto da Revolução 4.0. 

Por meio de storytelling, o jogo insere o usuário em situações reais de ambientes de inovação, promovendo o autoconhecimento e maior compreensão acerca das competências envolvidas em tomadas de decisão do líder.

Clique aqui e saiba mais sobre o assessment gamificado. 

Referências: 

ARBACHE, Ana Paula. Criatividade: uma das competências mais importantes para o mercado de trabalho no século XXI. In: https://arbache.com/blog/criatividade-uma-das-competencias-mais-importantes-para-o-mercado-de-trabalho-no-seculo-xxi/. Acesso em 23/06/2020

ARBACHE, Ana Paula. As organizações e carreiras que não inovarem virão à óbito: entenda o por quê. Quais os argumentos e conceitos que suportam essa afirmação? In:https://arbache.com/blog/as-organizacoes-e-carreiras-que-nao-inovarem-virao-a-obito-entenda-o-por-que-quais-os-argumentos-e-conceitos-que-suportam-essa-afirmacao/ Acesso em 23/06/2020.