Cotidiano

SERÁ QUE NÃO ESTÁ NA HORA DE CALIBRAR DE NOVO?

 

Será que sabemos calibrar?

Aristóteles há 25 séculos disse: “Qualquer um pode ficar zangado – isto é fácil; porém, estar zangado com a pessoa certa, na proporção certa, no tempo certo, pela razão correta e da maneira correta – isto sim não está ao alcance de todos.”

Alguns não acreditam em anjo da guarda, outros acreditam e dão outros nomes ou outras formas; e segundo os rabinos, possuímos cada um, quatro anjos que nos equalizam: um à frente, um à direita, outro à esquerda e um último atrás.

O da frente é aquele que nos diz: Calma… espere! Não seja tão afoito! O que se encontra atrás da gente é o que nos empurra pra frente e diz energicamente: “Vá.. Enfrente! Tenha coragem de bancar a situação e não dê pra trás agora! O anjo da esquerda (ao lado do nosso coração) diz: “Esqueça… Deixe pra lá” e o da direita diz “Lembre-se… Não deixe isso passar porque você tem memória!”

Esquecimento e lembrança fazem parte do nosso processo “legislativo”, é aquela ponderação ética peculiar de cada um.

E os anjos da frente e atrás de nós, são os que nos impulsionam ou nos detém e são nosso processo “executivo”. – sintonizar-se com estes emissários e dar mais atenção a estas vozes, nos afinam a estarmos mais atentos à nossa vida e nos capacitam a tomarmos decisões mais sábias.

Curioso é perceber que em alguns momentos da nossa vida, algum desses quatro emissários não são ouvidos por nós.

Atenção e silêncio fazem aguçar nossa audição a fim de compreendê-los e assim, sermos pessoas melhores!

“Vambora” enfrentar nossos “anjos” esquecidos! Eles são bárbaros!

Beijo em todos!

Ana Luiza

“E se nada nos livra da morte, ao menos que o amor nos salve da vida” Javier Velaza

Categorias

Entre em contato conosco

 

Mensagem enviada com sucesso

Em breve retornaremos o contato.

◄ Voltar

Outros projetos da Arbache Tec

Telefone para contato
+55 11 97289-0180
Nosso e-mail
arbache@arbache.com.br
Todos os direitos reservados @arbache 2017