Cotidiano

QUANDO INSISTIR É ERRAR…

QUANDO INSISTIR É ERRAR…

Gosto por demais dos incentivos, daquela pessoa que luta pelo que quer, que planeja, sonha, criar estratégias; porém, como tudo na vida, existem percalços, desafios, e como não afunilar: existe a vontade do outro quando falamos de relacionamento.

A boa comunicação, de fato, é determinante para que as partes não sofram mais que o necessário, e nessa ação necessária de clareza, transparência e diálogos sinceros entra outro sentido que deve estar absolutamente ativo para que a comunicação se faça presente, que é o ato de ouvir. Leia as mensagens com isenção, encare a ausência de resposta como uma negativa, e não como um charme que não existe. Deixe o outro respirar, sentir falta (se for o caso), mas não o sufoque com palavras, insistências que fazem vergonha ao verbo implorar.

Percebo em alguns casos, que a insistência não correspondida se transforma em ofensas e aí o que poderia ser para atrair o outro passa por uma relação doentia e improdutiva, que começa minando as palavras e chega no saara da infertilidade.

Sejamos frescor em qualquer relação, sejamos o riso solto, a vontade de querer estar perto, pela simples satisfação da troca. Insistir no que o outro declarou que não quer é fazer prova contra si; é forçar numa ação negativa; é repetir insanamente a sua insensibilidade no que poderia dar certo se fosse diferente. Não é! O tempo das coisas é implacável.


Finalizo com uma frase de Renato Russo que diz: ” Mas tão certo quanto o erro de ser barco a motor e insistir em usar os remos.”

Somos sempre melhores que isto.

Ana Luiza

Categorias

Entre em contato conosco

 

Mensagem enviada com sucesso

Em breve retornaremos o contato.

◄ Voltar

Outros projetos da Arbache Tec

Telefone para contato
+55 11 97289-0180
Nosso e-mail
arbache@arbache.com.br
Todos os direitos reservados @arbache 2017